Utilize Deep Links Para Melhorar a Performance | AppsFlyer
37Shares

Capítulo 4

Casos de Uso: Como Utilizar Deep Links Para Impulsionar a Performance

Definimos que o deep linking é um recurso da atribuição que gera uma melhor experiência de usuário entre diferentes canais, melhorando a performance a partir deles. Isso é especialmente relevante em casos nos quais o número de etapas que levam à conversão determina o sucesso da performance. Utilizar deep links para direcionar usuários ao destino ideal dentro de um aplicativo o mais rápido possível, com o contexto certo, pode levar a uma performance mais elevada em canais pagos e não-pagos.

Mas o que seria o “uso de deep links”? Esse é outro assunto comum no setor. Muitos fornecedores falam sobre o valor do deep linking sem apresentar suas particularidades. Para tentar solucionar esse problema, vamos explorar como clientes típicos usam um serviço de atribuição e de deep linking para gerar melhores experiências de usuário e performance de canais pagos e não-pagos.

Como um aplicativo de eCommerce utiliza casos de uso? Vamos explorar:

  • Executando campanhas de download de apps no Google, Facebook, Pinterest, Snapchat, etc.
  • Direcionando usuários para produtos específicos, mesmo durante o processo de instalação em todos esses canais
  • Criando URLs únicas que direcionam e rastreiam instalações ou aberturas para todos os esforços de marketing de uma organização
  • Analisando a performance de um banner de “Baixe o App” no topo de uma página mobile na Web e em e-mails.
  • Enviando um feed ao vivo de downloads de aplicativos para parceiros de anúncios, criando uma blacklist em tempo real (não exiba anúncios para clientes que já possuem o aplicativo)
  • Mostrando aos clientes um anúncio dinâmico de “Reordenação Fácil” com os produtos que eles compraram anteriormente a partir de um link para baixar o aplicativo, abrindo a página Reordenação Fácil após o lançamento do aplicativo

Os casos de uso não param aí. Você pode utilizar uma solução de atribuição e deep linking para potencializar uma variedade de casos de uso, todos com impactos visíveis no crescimento, auxiliando no atendimento a uma equipe de marketing mobile.

Redes Sociais

Esse é um dos casos de uso mais comum para links mobile. Nesse exemplo, um profissional de marketing ou um aplicativo mobile colocaria um link direcionado a um conteúdo no aplicativo em um canal de rede social muito conhecido, como o Facebook, Google, Twitter, Instagram ou Snapchat.Com um sistema universal de roteamento e atribuição, essa URL única é capaz de direcionar de maneira eficaz o usuário à app store caso ele não tenha o aplicativo, ou abrir o aplicativo através dos Universal Links ou Android App Links caso ele tenha.

Além disso, existem soluções que contam com recursos internos que coletam informações de “Open Graph” da URL. Isso significa que o link de atribuição mostrará uma prévia do conteúdo, o título e a descrição quando o link for publicado na rede social. Assim, essa opção permite que o link seja encurtado, conservando o espaço nas publicações e gerando confiança no link em que o usuário clica.

E-mail

O e-mail é mais um ótimo meio para o uso da atribuição e de deep links. Provedores de serviços tradicionais de e-mail (ESPs, sigla em inglês) permitem que você rastreie cliques em links, mas nem sempre conseguem direcionar o usuário à app store ou ao app de maneira eficaz. Além disso, Universal Links costumam falhar quando compactados para que sejam rastreados. Um profissional de marketing de e-mails pode criar URLs de deep link de forma programática ou manual, acrescentando-os aos e-mails para gerar uma melhor experiência de usuário.

SMS e Referências

Todos sabem que a recomendação boca a boca é um dos melhores mecanismos para divulgar um aplicativo e gerar viralidade. Mensagens de texto e SMS são o equivalente digital, através do qual grupos de pessoas podem compartilhar aplicativos novos incríveis com seus amigos.

Tecnologias avançadas de deep linking permitem que profissionais de marketing criem URLs curtas e dinâmicas no aplicativo para serem compartilhadas em um programa de referências. Funciona assim: um usuário compartilha o link que leva ao aplicativo a partir de um fragmento de conteúdo ou de uma página de referência no app. No momento em que o usuário clica em compartilhar, você pode utilizar a API do deep linking para criar um link curto, que contém dados que atraem o usuário – como códigos promocionais, cadeias de conteúdo ou até mesmo o nome do referenciador e a ID do usuário.

Assim, quando o usuário faz o compartilhamento via SMS, os dados estarão todos contidos em um link curto. Quando o usuário destinatário clica no link, ele tem a experiência ideal – sendo direcionado à app store caso não tenha o app ou diretamente ao app, caso tenha.

Após o download, os desenvolvedores do aplicativo receberão todos esses dados avançados de volta no aplicativo para ajudar a entender e investir em seus melhores loops de viralidade e canais de referência.

QR Codes

Embora o uso de QR codes não seja muito levado à sério, eles servem como um canal importante para muitas empresas fora dos EUA. Com um provedor de atribuição e links diretos, você pode criar uma URL e gerar um QR code instantaneamente.

Esses códigos, criados no dashboard, podem ser inseridos em e-mails, SMS, diretamente no marketing do cliente e em outros canais. No Android, QR codes podem ser diretamente escaneados e, no iOS 11, existe um leitor de QR incorporado no “Passes de App”.

Inicialização Personalizada

Uma versão avançada do compartilhamento via SMS e das referências permite que você utilize os dados que você compartilha em links para apresentar uma tela de boas-vindas única ou uma inicialização personalizada.

O conceito é simples: quando você cria links para usuários em seus canais de marketing padrão ou até em links de SMS e de referências, você pode incluir informações como um “título popup” ou uma “mensagem popup”, disponibilizando essa informação na forma de uma mensagem de boas-vindas. A Postmates, por exemplo, usa um deep link para oferecer mensagens de boas-vindas aos usuários que vêm de serviços pagos e orgânicos.

Link de exemplo:

https://postmates.onelink.me/5uYG?pid=facebook&af_click_lookback=7d&af_dp=postmates://root&promo_code=icecream&title=Welcome%20to%20Postmates!&message=Use%20OneLink%20for%20your%20custom%20onboarding&button_title=Let%27s%20Go

Banners Web to App

Por fim, mas não menos importante, um dos usos mais conhecidos dos deep links é o direcionamento dinâmico de usuários do site web mobile para o seu aplicativo (web to app).

Como a maioria das URLs de deep link vindas de provedores são facilmente estruturadas, muitas equipes mobile desenvolvem os próprios banners ou utilizam um dos templates da AppsFlyer, disponíveis gratuitamente.

Sua equipe pode personalizar o banner como quiser e, então, um deep link avançado ativa as URLs e a atribuição por trás do clique. No exemplo a seguir, a Moovit usa o próprio banner personalizado junto da tecnologia OneLink da AppsFlyer, permitindo que os usuário cliquem e baixem ou naveguem até o aplicativo a partir do link moovitapp.com.

Independente de o usuário ter o aplicativo ou não, um deep link avançado pode direcioná-lo ao conteúdo certo, mesmo após a primeira instalação.

About the Authors