7 táticas para fazer com que mais usuários descubram o seu app: como investir na ASO pode levar o seu app a um novo patamar

Por Einav Mor-Samuels
7 tactics to boost your app discovery- square

Em um mundo no qual existem aplicativos para tudo, o que você pode fazer para que o seu app se destaque?

Você quer registrar quantas calorias você consumiu em um dia? Existe um aplicativo para isso. Precisa contratar alguém para limpar a sua casa? Existe um aplicativo para isso. Quer comprar uma luminária que combine com o sofá da sua sala? Existe um aplicativo para isso.

Os aplicativos são mais populares do que nunca. Para os consumidores, um marketplace de aplicativos altamente competitivo significa que existem mais aplicativos de alta qualidade que podem ajudá-los com o que for necessário.

Claro, o mercado mobile busca o lucro. No mundo todo, prevê-se que a receita dos aplicativos mobile aumentará de US$693 bilhões para US$935,2 bilhões até 2023.

Mas e se você quiser desenvolver o seu próprio aplicativo? Como ele se destacará em relação a todos os outros em meio a um ecossistema lotado?

Aqui entra a otimização da app store (ASO, do inglês app store optimization).

Neste blog post, falamos sobre tudo o que você precisa saber para aumentar a visibilidade e os downloads do seu aplicativo. Vamos analisar elementos de classificação, exemplos de ASO e as práticas recomendadas para que você obtenha mais downloads para o seu aplicativo ainda hoje.

Vamos começar.

Por que a descoberta do aplicativo é importante?

O primeiro passo para obter downloads é fazer com que os usuários saibam que o seu aplicativo existe. Ao dominar a ASO e as estratégias de marketing de aplicativos (vamos entrar em detalhes mais adiante), você pode gerar mais demanda e fazer com que os usuários tenham maior facilidade para descobrir o seu aplicativo.

Embora seja importante que você atraia uma audiência mais ampla, também é importante que você consiga atrair os usuários certos, para os quais o seu aplicativo terá utilidade. Assim, os usuários o utilizarão de forma consistente, investirão seu dinheiro nele e compartilharão a novidade com seus amigos.

Melhorar o processo de descoberta do aplicativo significa que o reconhecimento da marca também aumentará, trazendo mais avaliações positivas e melhorando o engajamento do aplicativo. Sob a perspectiva dos negócios, isso gera custos de aquisição menores e taxas de retenção maiores – a fórmula perfeita para uma receita constante.

Por que é tão difícil fazer com que os usuários descubram o seu app?

Apenas no primeiro trimestre de 2021, 3,48 milhões de aplicativos do Android foram listados no Google Play, e 2,22 milhões de aplicativos do iOS foram listados na App Store. O ecossistema mobile está cada vez mais competitivo, pois:

  1. A tecnologia está mais acessível. Como cada vez mais consumidores têm acesso a dispositivos smart, a demanda por aplicativos segue aumentando.
  2. Existem cada vez mais vagas disponíveis em marketplaces online, o que aumenta a disponibilidade dos desenvolvedores de apps em todo o mundo. Hoje, é mais fácil do que nunca encontrar ótimos profissionais de programação em países como Ucrânia, Bangladesh, Japão, Taiwan e Argentina. O acesso a esses profissionais permitiu que as empresas fizessem contratações em escala com orçamentos menores do que o necessário para contratar regionalmente.
  3. Softwares que não utilizam códigos facilitam o desenvolvimento de aplicativos. Empreendedores que não possuem nenhum conhecimento sobre códigos agora conseguem desenvolver aplicativos do zero em poucas semanas, sem precisar investir em desenvolvedores que cobram caro. A eliminação dessa barreira faz com que o número de aplicativos disponíveis aumente.

App discovery and ASO

Aqui entra a otimização da app store (ASO) – o que é e como você pode utilizá-la

A ASO, também conhecida como o marketing da app store e SEO do aplicativo mobile, é o processo de otimizar um jogo ou um aplicativo para maximizar a sua visibilidade, melhorando suas taxas de conversão e gerando instalações orgânicas.

Assim como os sites podem ser exibidos em posições de maior destaque na busca do Google por meio do search engine optimization (SEO), os aplicativos podem utilizar a ASO como vantagem na luta incansável para se destacar em meio aos resultados de pesquisa nas app stores.

Tudo sobre o “algoritmo da popularidade” – Como a ASO funciona?

Como existem milhões de aplicativos lutando pela atenção dos usuários na página principal de suas respectivas app stores, as stores do Google Play, Apple App Store, Amazon App Store e Windows App Store utilizam algoritmos próprios para selecionar e apresentar os aplicativos mais relevantes para o usuário com base em seus critérios de pesquisa.

Embora os algoritmos específicos não sejam de conhecimento público, os fatores de classificação já foram comprovados por vários testes.

A descoberta do app e o fluxo de otimização da app store

Fatores de classificação da App Store para aplicativos do iOS

  • Título do aplicativo: aqui, o uso de palavras-chave é o que mais influencia a sua classificação. Você pode utilizar até 30 caracteres.

  • Legenda do aplicativo: recurso introduzido a partir do iOS 11, no qual as palavras-chave também desempenham uma função importante. Você pode utilizar até 30 caracteres.

  • Campo de palavras-chave: utilize até 100 caracteres para especificar quais são as palavras-chave mais importantes.

  • Compras in-app (IAPs): as suas IAPs são indexadas na pesquisa e elas acrescentam espaço para o seu perfil, o que faz com que você ocupe mais espaço como resultado de pesquisa. O seu nome de exibição pode ter até 30 caracteres e a descrição pode ter até 45 caracteres. Você pode adicionar palavras-chave na descrição da sua IAP e recomendamos que você utilize imagens chamativas para aumentar as suas taxas de clique.

  • Notas e avaliações: suas notas e avaliações ficam bem visíveis na App Store, sendo exibidas logo abaixo da legenda. Quando os usuários pensam em baixar o seu aplicativo, essa costuma ser a primeira coisa que eles veem. Uma das melhores formas de otimizar esses dados é encorajando os seus usuários fidelizados a avaliar o aplicativo. Isso pode ser feito por meio de algum tipo de incentivo.

  • Frequência das atualizações: é fundamental corrigir bugs que os usuários relatam. Certifique-se de documentar as mudanças feitas em cada atualização, enviando sinais para o algoritmo de que o seu produto e os seus serviços estão atualizados.

Downloads e engajamento: métricas de desinstalações e de baixo uso são os maiores indicadores da qualidade do seu aplicativo. Teste recompensas in-app, notificações push e notificações via e-mail para manter os seus usuários engajados e ativos na plataforma.

Descoberta do app: lista de elementos do Google Play Store

Fatores de classificação do Google Play para aplicativos do Android

  • Título do aplicativo: utilize até 50 caracteres. O uso de palavras-chave é o que mais influencia a sua classificação.

  • Descrição curta: utilize até 80 caracteres. Esse é o texto que aparecerá acima da dobra do Google Play Store, e esse é o segundo fator que mais influencia a sua classificação. Textos chamativos podem impulsionar bastante as suas taxas de conversão, embora eles não afetem diretamente a sua classificação.

  • Descrição longa: utilize até 4.000 caracteres para descrever os melhores recursos do seu aplicativo. Aqui, você pode utilizar a sua principal palavra-chave por até 3 a 5 vezes. Certifique-se de fazer a localização da descrição para o máximo de idiomas possível, e utilize marcadores de tópicos para tornar a leitura da sua descrição mais fácil. Não se esqueça de adicionar indicadores de que o seu aplicativo é confiável, como prêmios recebidos e a quantidade de avaliações 5 estrelas. Veja essa lista do Google sobre o que você não deve fazer.

  • Títulos de compras in-app (IAP): você pode utilizar até 55 caracteres e incluir uma palavra-chave.

  • Nome do pacote: Adicione a sua palavra-chave alvo à sua URL quando estiver fazendo o upload do aplicativo no Google Play. Lembre-se de que o nome do pacote é permanente e não poderá ser alterado no futuro.

  • Classificações e avaliações: o Google rastreia e indexa avaliações por meio de palavras-chave. Ao responder a avaliações positivas, lembre-se de repetir a palavra-chave em sua resposta.

  • Frequência das atualizações: assim como no caso da App Store no iOS, certifique-se de corrigir constantemente bugs relatados pelos usuários e de documentar as mudanças feitas em cada atualização, enviando sinais para o algoritmo de que o seu produto e os seus serviços estão atualizados.

Downloads e engajamento: assim como na App Store do iOS, métricas de desinstalações e de baixo uso podem afetar a sua classificação nas pesquisas. Teste recompensas in-app, notificações push e notificações via e-mail para manter os seus usuários engajados e ativos na plataforma.

7 táticas para impulsionar a descoberta do seu app

Agora que você já sabe tudo sobre a ASO, vamos entrar em mais detalhes sobre as diferentes estratégias que podem ser utilizadas para aumentar a descoberta e os downloads do seu aplicativo:

1. Faça uma pesquisa de palavras-chave

É impossível encaixar o seu app em todas as palavras-chave da sua categoria. Uma boa escolha de palavras-chave permite que você ofereça informações que correspondem à principal necessidade dos seus usuários, demonstrando o valor do seu aplicativo. Podemos separar as suas principais palavras-chave em cinco categorias:

  • Palavras-chave de problema: quais são os principais problemas que os seus usuários gostariam de resolver?
  • Palavras-chave de recursos: qual é a sua proposta exclusiva (USP)?
  • Palavras-chave de usuário: quais são as principais demografias e interesses dos seus usuários? Por exemplo, o seu aplicativo pode ter sido feito para amantes de futebol ou para jovens investidores – cada um desses casos exige abordagens de direcionamento bem diferentes.
  • Palavras-chave de localização: onde estão as pessoas que usam o seu app? Essa categoria pode incluir países, cidades ou locais gerais como o local onde moram, escritório, um parque ou até mesmo uma estação de metrô.
  • Palavras-chave de ação: o que o usuário está fazendo quando ele usa o seu app?

Para ver uma explicação detalhada sobre como conduzir uma pesquisa de palavras-chave eficaz, leia o nosso guia da ASO para profissionais de marketing mobile, disponível em inglês.

2. Explore estratégias pagas de aquisição de usuários

A aquisição de usuários (UA) é um método de direcionamento de novos usuários para um aplicativo mobile por meio de atividades de marketing. Vamos explorar algumas das plataformas que oferecem uma UA comprovadamente eficaz:

Instagram e Facebook Ads

O Instagram é a 4ª plataforma mobile mais popular, utilizada pela maioria dos usuários por meio do aplicativo em seus dispositivos mobile. O processo de baixar aplicativos através do Instagram é uma experiência ininterrupta, o que o torna uma das plataformas de anúncios mais eficientes para os apps mobile.

Você pode testar uma série de opções de criativos, incluindo incríveis anúncios em vídeo in-stream, anúncios estáticos e até mesmo enquetes interativas nos stories.

Além disso, você também pode utilizar os diversos recursos de anúncios do Facebook. Certifique-se de escolher as “instalações de aplicativos” como objetivo e teste diferentes calls-to-action, como: “baixe já”, “donwload”, “saiba mais”, “reserve agora”, “jogar” e mais.

3. Descubra as ad networks mobile

As ad networks conectam os anunciantes aos publishers (ou seja, os aplicativos que exibem anúncios), agregando a oferta de espaço de anúncio deles e combinando-a com a demanda dos anunciantes. Existem inúmeras ad networks dentre as quais escolher, e o Performance Index da AppsFlyer é uma fonte confiável para identificar quais ad networks se mostraram mais eficazes para os anunciantes mobile.

4. Invista em anúncios na App Store

Seja na guia de pesquisa ou em resultados específicos de uma pesquisa, fazer anúncios diretamente na App Store pode ser útil. O maior benefício dos anúncios na App Store é a alta intenção do usuário. Você pode direcionar usuários que realmente querem baixar novos aplicativos, chegando até eles na hora certa.

5. Utilize as redes sociais e os influencers

O marketing de influencers está apenas começando. Cerca de 40% dos usuários do Twitter afirmam que já fizeram uma compra como “resultado direto do tweet de um influencer”.

Caso você esteja começando a testar essa estratégia, experimente distribuir códigos de ofertas e de recomendações para que micro-influencers falem sobre o seu aplicativo. Micro-influencers costumam ser mais receptivos a trabalhar com diversas marcas, pois eles ainda estão desenvolvendo o seu portfólio, e são extremamente eficazes na hora de se comunicar com suas respectivas comunidades.

No fim das contas, o conteúdo é uma peça fundamental do quebra-cabeças. Ofereça diretrizes de conteúdo, mas deixe que os influencers escolham os criativos e utilizem o seu próprio tom exclusivo, aquele que melhor ressoa com a sua audiência.

Todos os dias, a página principal da App Store chega a milhares de usuários que estão prontos para baixar um aplicativo. Para a App Store, os editores escolhem e exibem os seus aplicativos favoritos na seção de Descoberta. Normalmente, eles incluem histórias detalhadas e entrevistas exclusivas que ajudam a destacar os melhores aplicativos disponíveis.

Como você pode imaginar, aparecer nessa lista não é fácil. Veja abaixo o que a Apple considera necessário para que um app consiga se destacar e entrar para a lista:

Os 7  fatores necessários para aparecer na lista da App Store:

  1. Design de UI
  2. Experiência do usuário
  3. Inovação
  4. Originalidade
  5. Acessibilidade
  6. Localização
  7. Página de produto da App Store

Os 8 fatores adicionais para que o seu jogo se destaque na App Store:

  1. Design do gameplay
  2. Arte e animação
  3. Controles
  4. História e personagens
  5. Rejogabilidade
  6. Efeitos sonoros e música
  7. Performance técnica
  8. Valor geral

SEO e menções online orgânicas

Apesar das alegações do Google de que os links e as menções em redes sociais não afetam as classificações dos resultados de busca, existem evidências que desmentem essas declarações. No geral, quanto mais personalidades e fontes influentes falam sobre a sua marca nas redes sociais, mais sinais positivos sobre o seu aplicativo são recebidos pelo Google. Assim, pode-se dizer que o Google realmente está sempre nos observando.

Principais conclusões

Agora que você sabe como fazer com que o seu aplicativo seja descoberto pelas audiências certas, vamos resumir o que aprendemos:

  • Priorizar a ASO para melhorar a classificação do seu aplicativo é um processo longo e gratificante, que pode gerar resultados de negócios como custos de aquisição de usuários menores e taxas de retenção maiores.
  • A chave para um crescimento contínuo é atrair uma audiência maior, direcionando os usuários que se engajarão com o seu aplicativo. Investir no processo de pesquisa por palavras-chave pode te ajudar a alcançar esse objetivo.
  • Não imponha diretrizes de conteúdo para os influencers. Deixe que eles criem sua própria visão de criativos e amplifiquem o seu próprio tom de voz, que mais atrai a sua audiência.
  • Anunciantes e publishers se conectam por meio de ad networks, que agregam oferta de espaço de anúncios. No vasto mundo das ad networks, o Performance Index da AppsFlyer é uma fonte confiável para identificar quais ad networks se mostraram mais úteis para os anunciantes mobile.

Einav Mor-Samuels

Com ampla experiência em marketing digital, Einav é redatora de conteúdos na AppsFlyer. Ao longo dos últimos 15 anos, ela obteve ampla experiência sobre o ecosistema do marketing mobile, pesquisando tendências de marketing e oferecendo soluções personalizadas para os problemas digitais de nossos clientes. A Einav escreve seu conteúdo usando insights baseados em dados, e transforma até os assuntos mais complexos em conteúdos claros e acessíveis.

Receba notícias de marketing e insights de especialistas direto em seu e-mail