Relatório de empresas mobile-first: Como os aplicativos transformaram as empresas de saúde e fitness

ssson

Obrigado!

“Antes, nossos clientes precisavam esperar que alguém ligasse ou enviasse um e-mail para eles. Agora, eles usam nossos aplicativos para marcar consultas, acessar seu histórico de exames e resultados de exames de imagem. Estamos vendo muita tração com o conteúdo otimizado para o mobile.״

Executivo da área de saúde

A transformação mobile é cheia de desafios, principalmente em uma indústria na qual os regulamentos para dados de saúde são fundamentais. Apesar disso, a pandemia agiu como um catalisador para o aumento do número de clientes que se tornaram mobile-first, fazendo com que os fornecedores de serviços de saúde e fitness adquirissem um senso de urgência sobre a necessidade de acelerar sua migração para o mobile.

Se ajustar a clientes mobile-first pode não ser tão fácil para uma indústria que, tradicionalmente, foca em serviços offline. No entanto, para empresas que conseguem lidar de forma responsável com questões de privacidade de dados e oferecem experiências mobile inovadoras, o futuro é extremamente promissor.

Neste relatório, a AppsFlyer e a Adobe se juntaram para explorar os desafios e oportunidades exclusivas para executivos de grandes empresas de saúde e fitness, e o que eles significam para o crescimento futuro.

Conteúdo:

  • Os principais desafios e pain points que levaram as empresas de saúde e fitness a acelerar sua transformação mobile.
  • O papel que os aplicativos mobile desempenham na fidelidade e retenção de usuários de uma marca.
  • Quais são os principais processos e serviços offline que podem ser aprimorados pelo mobile.
  • As principais métricas para mensurar o sucesso mobile-first.

Receba notícias de marketing e insights de especialistas direto em seu e-mail